Formatura Eteqs

Ceifeiros melhor preparados para a seara

No último sábado (27), o Templo Sede da Igreja Assembleia de Deus de Jundiaí, no Vianelo, foi cenário de uma grande festa justificada pelo amor à Palavra de Deus e o desejo de conhecer mais ao Deus da Palavra. Com a casa cheia, alunos da turma que teve como patrono o "Pastor Esequias Soares da Silva", presidente da igreja e diretor geral da Escola Superior de Teologia "Pastor Elyseu Queiroz de Souza" (ETEQS).  

A solenidade foi o ato de celebração pela formatura de 105 alunos que fizeram o Curso Básico de Teologia no biênio 2014/2015. O evento uniu formandos da unidade de Jundiaí (75) e dos núcleos de Itupeva (14) e Louveira (15). Eles integram os mais de 2500 alunos formados ao longo da história da instituição. O Coral e Orquestra Ágape, sob regência do maestro Clébio Azevedo e da maestrina Luciene Guitarrari, teve participação especial com a execução do Hino Nacional, e composições inspiradas que exaltaram ao Senhor por mais uma vitória na vida dos formandos. Uma banda especialmente convidada para a formatura, louvou ao Senhor com o hino "Vejo os Céus Abertos", composto pelo formando Elton Percino especialmente para a solenidade. Ele se inspirou na visão de Estevão no momento de sua execução pelos romanos.  

Equipados para servir

O orador da turma, Marcelo Filgueiras, destacou a mudança vivida em dois anos. "Antes, erámos servos sem muitas ferramentas, mas agora, todos aqui presentes, já possuem inúmeras ferramentas para usar a Palavra de Deus e, em nome de Jesus, pregar o evangelho, buscar o cativo e o oprimido, o necessitado, todos que precisam de libertação, inclusive os que param na beira do caminho". Filgueiras ressaltou, ainda, que não cabe a ninguém o título de "melhores que os outros", e lembrou um dever a ser cumprido: "Temos a obrigação de multiplicar o que aprendemos e continuar buscando o conhecimento e continuar crescendo na graça, para melhor servir no reino de Cristo".

Gratidão
Como Patrono da turma, o pastor Esequias fez questão de agradecer a honra de ter sido escolhido para tal. Ele recordou os primeiros passos da Eteqs há 36 anos que foi iniciada como extensão da Escola Teológica "Pastor Cícero Canuto de Lima", sediada no Belenzinho, São Paulo. Em breve citação histórica, o pastor Esequias recordou que, por iniciativa do pastor Elyseu Queiroz de Souza, Patrono da Escola, as aulas foram iniciadas em março de 1980. O pastor Esequias lembrou que não trabalha pela formação de discípulos, como pontuou o diretor executivo, presbítero Jailson Marinho, em busca de glória. "Eu procuro servir a Deus e ao seu povo, mas agradeço, de coração, este gesto honroso e respeitoso".

Servir com alegria
O Patrono parabenizou aos alunos por chegar a este ponto de partida que é a conclusão do curso. "Vocês venceram as dificuldades, todas as intempéries nestes dois anos do curso básico de Teologia". O curso habilita para que os estudos continuem sendo aprofundados. O pastor Esequias recordou a definição de Tomás de Aquino que denominou a Teologia como "Rainha das Ciências". Soares ressaltou aos formandos: "Vocês escolheram a melhor coisa e essa parte não será tirada".   Durante seu pronunciamento, o pastor Esequias citou uma declaração de Leonardo Da Vinci registrada no fim de sua vida: "Eu sei que estou morrendo, justo agora que comecei a aprender o abecedário da arte". Considerando o grande legado deixado pelo artista plástico italiano, o pastor Esequias questionou sobre a condição do homem atual diante da Palavra de Deus que é infinita. "A Bíblia não é um livro de definições. O curso de vocês é, justamente, para aprender a conhecer os dados da revelação divina de maneira sistemática, organizada", ponderou Soares. Ele expressou suas expectativas quanto aos formandos. "Espero, com o passar do tempo, ver entre vocês mestres, professores, pastores, evangelistas, missionários, todos servindo ao Senhor". Todas estas vocações exercidas conforme escreveu o salmista: "Servi ao Senhor com alegria" (Salmo 100.2)

Treinados para lutar
A professora Daniela Gomes Brito, eleita Paraninfa da turma, agradeceu por fazer parte de momento tão especial na vida de cada formando. "Fazer parte da formação espiritual de cada um de vocês é o meu prazer. Já tenho saudades dos momentos que passamos juntos aprendendo sobre a Bíblia, a Lei do Senhor. Juntos, conhecemos a Geografia Bíblica, andamos e viajamos pelo Novo Testamento". Dos colegas professores, a paraninfa destacou a condição incansável que demonstraram na instrução de mais uma turma. Tal feito só se torna possível pelo amor que nutrem pela Palavra de Deus e disciplina no árduo, mas profícuo ministério da Educação Cristã. Ela recordou a orientação do apóstolo Paulo a Timóteo: "Persista, pois em ler, exortar e ensinar" (1Tm 4.13). "Que Deus abençoe, grandemente, a vida de vocês, meus companheiros", declarou Daniela.

Direção certa
Aos formandos, a professora Daniela destacou: "Vocês iniciaram uma caminhada na direção certa. Estamos adiantando um pequenino passo, mas um passo significativo". Como Paraninfa alertou que ainda há muitos passos a serem dados e revelou um desejo do seu coração. "Espero, confiadamente, que a Bíblia encontre um lugar no coração e no pensamento de vocês, diariamente. O vigor da nossa vida espiritual está na proporção exata do espaço que ela ocupa na nossa vida". Daniela lembrou, ainda, que "a verdadeira fé cristã reivindica o amor incondicional ao Ser Supremo, o Criador dos céus e da terra. Por isso, o cristão deve destacar-se não apenas pelo seu conhecimento, mas acima de tudo, pelo amor e devoção ao serviço que prestamos ao Único e Verdadeiro Deus".

Alegria compartilhada
A paraninfa ponderou, também, sobre a condição de humildade que não pode ser abandonada na trajetória cristã. "Convém que Cristo cresça mais e mais nas nossas vidas. Busquem também a unidade da fé. Mantermos unidos faz toda a diferença na guerra contra o mal. Meu reconhecimento pelo passo que deram. Isso demonstra garra, determinação e persistência. Ao concluir seu discurso, a professora Daniela ressaltou a condição de soldados no Exército de Deus. "O grande desafio foi cumprir mais uma tarefa. Porém, há muito o que fazer para o reino de Deus. A batalha espiritual já começou. Jesus nos deu as armas espirituais. Como bons soldados de Cristo, lutem, combatam o bom combate e vençam em nome de Jesus. A vossa alegria é a minha alegria. O meu muito obrigada. Amo vocês".

Intimidade com Cristo
O presbítero Jailson Marinho, diretor executivo, registrou que a grande celebração na formatura é marcante para a Assembleia de Deus e demais denominações cujos alunos cumpriram a jornada em busca de mais conhecimento.  Marinho ponderou sobre o aprimoramento da intimidade com Deus. "Alegra-me testificar que o curso de Teologia tenha lhes trazido para mais perto de Cristo e tenha feito de vocês melhores discípulos do Senhor Jesus. Isso só foi possível porque o conhecimento por vocês adquirido aprofundou o amor por Deus e por sua obra".  Para o diretor executivo, a formatura simboliza uma resposta de oração. Marinho citou a recomendação de Jesus aos discípulos para que orassem por mais ceifeiros (Mt 9.38). "Deduzo que, se os discípulos rogaram a Deus, como o Senhor Jesus lhes ensinou, estamos vendo hoje uma resposta de oração. Estamos devolvendo à igreja uma nova safra de ceifeiros, preparados para enfrentar os grandes desafios da igreja do Século 21".

Valores inegociáveis
Marinho conclui sua homenagem aos alunos lembrando os desafios vindouros. "O campo vos espera. Sejam humildes, claros nos vossos ensinos. Sejam firmes em vossas posições. Sólidos na defesa da fé. E, acima de tudo, permaneçam alicerçados na Rocha sobre a qual pisaram nossos mestres. Não negociem o chamado de vocês. Vocês não foram chamados para serem mercadores ou diplomatas. Vocês foram chamados para serem profetas. Estudem. Aprimorem-se. Não se contentem com o que já possuem, pois o Deus de misericórdia, certamente, tem muito mais para vossas vidas".  Finalmente, o diretor executivo citou Agostinho, Bispo de Hipona: "Faça o que pode. O teu Deus não te pede nada mais".

Fatal error: Uncaught Error: Call to undefined function executaSite() in /home/adjundiai/www/noticia.php:102 Stack trace: #0 {main} thrown in /home/adjundiai/www/noticia.php on line 102